Valores: a base da autoconfiança

core-valuesSe quisermos desfrutar de autoconfiança em nossa vida diária, devemos praticar a integridade total em nosso âmago. A base da autoconfiança é viver de acordo com nossos próprios valores e princípios mais elevados, enquanto pensamos a agimos em harmonia com as nossas mais altas aspirações.

Valores são o que direcionam o nosso comportamento e governam nossas decisões. São estados emocionais aos quais atribuímos importância e que descrevem o que nos motiva a agir e a fazer ou não fazer determinadas coisas.

Alguns valores fins são saúde, liberdade, segurança, prazer, conforto, poder, contribuição, realização, alegria, honestidade, gratidão, justiça, paz, qualidade de vida. O problema é que muitas pessoas limitam seu nível de felicidade simplesmente por focarem suas ações na tentativa de satisfazer valores meios, como dinheiro, conhecimento, trabalho, esporte, carro, etc.

O dinheiro não é um valor fim. Ninguém deseja simplesmente ganhar dinheiro. O que desejamos é o que o dinheiro pode nos proporcionar, o que para alguns pode ser segurança; para outros pode significar poder ou status, etc.

Muitas pessoas perseguem a obtenção de valores meios na busca da felicidade e, quando os conseguem, se dão conta de que esses valores não lhe trouxeram a felicidade com que sonhavam. Assim, o segredo da felicidade está na conquista de seus valores fins mais elevados e não na realização de uma meta específica, focada exclusivamente na satisfação de um valor meio.

Assim, o ponto de partida para se alcançar maior autoconfiança poder pessoal é esclarecer seus próprios valores para si mesmo e alinhar suas ações a eles. O que você defende? Em que acredita? Por quais valores estaria disposto a se sacrificar? Você valoriza sua família? Sua carreira ou seu trabalho? Sua saúde? Você valoriza princípios como liberdade, a compaixão com os menos afortunados? Você acredita na sinceridade, na honestidade, no trabalho duro e no sucesso? Sejam quais forem os seus valores,reflita sobre eles e os anote.

core-values-just-ahead

Como descobrir seus valores

1 – O teste do funeral

Se você tiver dificuldades em esclarecer seus valores, imagine-se entrando num funeral. Ao adentar o recinto, você identifica várias pessoas conhecidas ali presentes e, ao sentar na primeira fila, você descobre que a pessoa que está dentro do caixão é você mesmo. Sim – é o seu funeral!

Á entrada, você recebeu um papel com a relação das pessoas que irão usar da palavra, homenageando quem você foi ao longo da vida: uma pessoa de sua família (esposa, filho, etc), um colega de trabalho ou mesmo o seu chefe, e um membro da comunidade em que você atua.

O que essas pessoas dirão a seu respeito? Que legado você deixou em vida? Como você gostaria de ser lembrado? Além de suas realizações pessoais e profissionais e do modo como você contribuiu para a vida dos outros, essa experiência descreve suas virtudes, seus valores e as qualidades pelas quais você se tornou conhecido.

Esse obituário pode se transformar em uma visão do tipo de pessoa que você deseja ser e dos valores pelos quais deseja viver. Ninguém é perfeito, mas o exercício de escrever o próprio discurso fúnebre exerce uma influência poderosa em tudo o que faremos depois. Passamos a ser atraídos, consciente ou inconscientemente, a viver e agir de acordo com a pessoa descrita naquele testemunho final.

2 – Quem você mais admira?

Outro exercício útil para descoberta de nossos valores é pensar nas pessoas (homens e mulheres) que mais admiramos, tanto os vivos como os que já se foram. Que qualidades ou atributos dessas pessoas consideramos mais importantes? Se pudesse ser como algum deles, que qualidades você gostaria de imitar?

Quando observa as pessoas que mais admira, quais dos seus atributos lhe parece o mais digno? Que características você procura nos amigos e colegas que lhe permitem decidir se você se envolve, ou não, mais profundamente com eles? Para você, quais são as qualidades ou valores fundamentais que embasam os seus relacionamentos pessoais e profissionais? Quais são os seus valores?

vision-values-beliefs

Valores são inegociáveis

Quando selecionamos um valor, e desde que efetivamente acreditemos nele, ele se torna inviolável. Se de fato tratar-se de um valor, viveremos cada momento de nossa vida em consonância com ele, caso contrário, essa escolha não representará um de nossos valores.Não podemos ter um valor somente quando nos parecer conveniente e dispensá-lo quando ele não nos convier. É impossível ter integridade pela metade – é tudo ou nada!

Hierarquize seus valores

Uma vez identificados os seus valores, é preciso organizá-los por prioridade, definindo a escala de importância de cada um deles – do mais para o menos importante. Se você tivesse escrito seus valores em pequenos pedaços de papel e agora tivesse que jogar todos fora mantendo apenas um,  qual deles seria mantido? Este representa o seu valor mais importante, com prevalência sobre todos os outros.

Se, por prioridade, a sua família vier antes de sua saúde ou do seu trabalho, você irá sacrificar ambos pelo bem estar de seus familiares. Se a ordem de valores for alterada, e o seu trabalho e/ou sucesso financeiro vierem na frente, você estaria dizendo que estaria disposto a sacrificar a própria saúde caso isso fosse necessário para atingir o sucesso profissional e financeiro.

Nossas ações expressam nossos valores

Viver de acordo com nossos valores é a chave para obter harmonia, felicidade, bem estar a altos níveis de autoconfiança, mas devem ser expressos não em palavras, mas por meio de nossas ações, ou seja, por meio do que fazemos, sobretudo quando estamos sob estresse e somos forçados, ao mesmo tempo, a optar por duas direções, cujas demandas e responsabilidades possam ser opostas.

Redescobrimos nossos valores do passado ao relembrarmos e observarmos as atitudes que tomamos diante de uma escolha importante, feita sob uma situação estressante. Será que ouvimos o nosso “anjo da guarda”, ou cedemos em favor de uma vantagem de curto prazo?

Quem relata que sua própria família vem em primeiro lugar e, quando tem que optar entre ter que trabalhar até mais tarde para atender a uma demanda  do chefe, ou assistir a apresentação escolar do seu filho,  escolhe as necessidades da criança em lugar das exigências do patrão, é uma pessoa que está vivendo de maneira consistente com seus valores mais elevados.

Sempre que agimos de acordo com um valor maior, nos sentimos ótimos em relação a nós mesmos, e com isso nossa autoconfiança se eleva. No sentido contrário, cada vez que comprometemos nossos valores por qualquer motivo, nos sentimos desconfortáveis, culpados, inferiores e nossa autoconfiança despenca.

A autoconfiança inabalável resulta do compromisso que assumimos com nossos valores. Quando sabemos, em nosso íntimo,  que nunca violaremos nossos princípios mais elevados, experimentamos um profundo sentimento de poder pessoal que nos permite lidar, de maneira aberta e honesta, com quase todas as situações humanas e com total autoconfiança.

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s