Dê vida a seus objetivos com a PNL

Metas e Objetivos 2

 

Todos sabemos da importância de estabelecer metas e objetivos que sejam desafiadores, motivadores, mas realistas, e que nos impulsionem a atingir o objetivo a que nos propomos. Assim, talvez você já esteja familiarizado, ou pelo menos já conheça, o método SMART, que significa que os objetivos devem ser Específicos (S de specific em Inglês), Mensuráveis, Atingíveis, Relevantes e Temporais, ou seja com um tempo determinado para acontecer.

A abordagem da Programação Neurolinguística (PNL) para tornar os objetivos SMART ainda mais abrangentes é conhecida como “o processo dos objetivos bem formados”, e requer que algumas perguntas sejam respondidas para explorar o “como”, “por que”, e “para que” do resultado desejado. Ao seguir esse processo, se pode entender os verdadeiros motivos de se querer atingir uma meta, e pesar os prós e os contras do sucesso em oposição ao fracasso.

Quando o resultado desejado atender aos critérios abaixo, ele satisfará as condições de “objetivo bem formado”. Para tanto, faça a si mesmo as seguintes perguntas em relação a cada objetivo ou resultado desejado.

  1. O objetivo está fundamentado em algo positivo?
  2. O objetivo foi iniciado por mim, será mantido por mim e está sob meu controle?
  3. O objetivo descreve o método das evidências, ou seja, quando ou como você saberá que ele foi alcançado?
  4. O contexto do objetivo está claramente definido (onde, como, com quem ele acontecerá)?
  5. O objetivo identifica os recursos necessários?
  6. Avaliei se o objetivo é ecológico?
  7. Sei qual o primeiro passo que preciso dar?

Metas e Objetivos NLP

 

1 – O objetivo está fundamentado em algo positivo

Criar objetivos com palavras positivas é um passo crucial para a sua fixação. Muitas pessoas, porém, só sabem dizer o que NÃO querem e não o que querem atingir em lugar disso. Ocorre que nosso subconsciente não reconhece a palavra não é só se concentra no que vem a seguir.

Ter objetivos negativos como “não quero mais fazer esse tipo de trabalho” pode afetar de forma adversa a chance de sucesso, porque acaba focando no que não se quer. Em vez disso, mantenha a linguagem em termos positivos e reestruture objetivos de negação em positivos. Exemplo: “quero ter um trabalho que tenha a ver com a minha paixão por educação”, por exemplo.

Assim, pergunte-se: O que você realmente quer? O que mais você quer os preferiria ter?

Além de ser positivo, um objetivo deve ser específico. Objetivos vagos como “quero ser feliz” ou “quero ser uma pessoa de sucesso” ou “quero uma carreira de sucesso”, são difíceis de determinar, porque nos tiram o foco daquilo que especificamente queremos obter ou realizar.

2 – O objetivo é iniciado e será mantido por mim e está sob meu controle?

É comum  que algumas pessoas tenham objetivos que, na realidade, atendem os desejos de outra pessoa, ou um problema que outra pessoa quer que seja resolvido, tais como: “minha esposa quer que eu perca peso, porque se preocupa com a minha saúde”. A probabilidade de sucesso no alcance desse objetivo será muito maior se vier de dentro, dizendo, por exemplo, “quero perder …quilos para me manter em forma e ter mais energia”

Da mesma forma, se o objetivo for “quero que os diretores me promovam no próximo ano/semestre etc” é preciso  entender que talvez os diretores tenham outros planos e, como esse objetivo não está sob seu inteiro controle, você deve fixar metas que lhe dê  visibilidade profissional e o coloque na melhor situação possível para ser promovido, já que a decisão de promove-lo está na mão de outras pessoas.

As duas perguntas seguintes ajudam a assumir o controle da situação:

  • estou fazendo isso para mim ou para outra pessoa?
  • o resultado esperado depende somente de mim? Em caso contrário, o que posso fazer para que o controle dependa de mim?

3 – O objetivo descreve o método das evidências?

O método das evidências é uma forma de perguntar: “Quando você saberá se atingiu seu objetivo? A maioria das viagens tem um destino pretendido especifico, embora o caminho entre o ponto de partida e o de chagada possa ser desconhecido.

Assim, as perguntas seguintes tem a especificidade sensorial de ajudar as pessoas a refletir sobre objetivos que ainda estão muito vagos ou com resultados não claramente especificados:

  • como você saberá que está conseguindo o objetivo desejado?
  • o que você estará fazendo quando o conseguir?
  • o que estará vendo, ouvindo ou sentindo quando o tiver conseguido?

Com esse última pergunta, você estará imaginando os aspectos visuais, auditivos e sinestésicos (sentir) do objetivo desejado e, com essa experiência sensorial fixada na memória, seu subconsciente começa a trabalhar para auxiliar no atingimento do objetivo desejado.

4 – O contexto do objetivo está claramente definido?

Definir o contexto em que você quer atingir um objetivo permite uma maior especificidade. O contexto se refere ao momento, lugares e pessoas envolvidas. A resposta á pergunta “Onde, quando e com quem você quer atingir seu objetivos”? ajuda a definir com mais precisão o que você quer, ao eliminar o que você não quer.

Ao definir, por exemplo, quando se quer fazer alguma coisa, podemos identificar os passos que precisam ser implementados para isso. Por exemplo, o objetivo “Quero me mudar quando eu puder pagar por uma casa com vista para o mar” pode fazer com que você perceba que precisa aumentar sua renda antes de considerar o projeto de mudança.Portanto, o objetivo que se impõe, no caso, é atualizar e melhorar o currículo e pesquisar oportunidades de melhor remuneração antes de olhar a nova casa.

definião-de-metas-conquiste-suas-metas

 

5 – O objetivo identifica os recursos necessários

Recursos abrangem uma ampla gama de itens, que incluem: tempo, dinheiro, energia, habilidades, fontes de informação, pessoas que apoiem, equipamentos necessários (computadores, maquinário, etc), mentalidade positiva e boa saúde e disposição física.

As quatro perguntas que se seguem ajudam a identificar quais recursos, dentre os que já dispomos ou que precisamos adquirir, vão possibilitar o atingimento de nosso objetivo:

  • que recursos você tem agora?
  • que recursos você precisa adquirir?
  • há evidências de que você já foi capaz de atingir esse objetivo antes?
  • o que aconteceria se você já tivesse todos os recursos necessários?

Essa última pergunta – agindo como se os recursos já estivessem disponíveis – ajuda a pessoa a reconhecer e mudar qualquer crença que possa estar lhe limitando, além de ajudar a calibrar o seu objetivo caso este não esteja bem formulado.

6 – Avaliei se o objetivo é ecológico?

Na PNL, objetivos ecológicos são aqueles que combinam e se harmonizam com todas as áreas da vida de uma pessoa. Se, por exemplo, alguém quer montar um novo negócio, qual será o efeito na sua saúde ou em relação aos demais membros da família? O que uma pessoa tem a perder ou ganhar se inscrevendo num curso de pós-graduação?

Para avaliar se seu objetivo é ecológico, pergunte-se: “Qual o verdadeiro propósito que me leva a querer isso”? ” O que irei ganhar ou perder se consegui-lo”? “Existe alguma parte ou papel dentro de mim que tenha objeção a essa meta”? ” O que me impediu de ter criado esse objetivo no passado”?  “Ao alcançar esse objetivo, todas as pessoas e situações de minha vida mudarão de forma positiva”?

Caso algumas dessas perguntas o tenha incomodado e o levado a refletir, não hesite em parar antes de partir para a ação. Pense e veja se é realmente se é isso o que você quer de verdade. Converse com as pessoas envolvidas, busque mais informações, faça novas perguntas. É melhor rever seus planos antes que eles se concretizem do que se arrepender pelo tempo e energia gastos desnecessariamente e interrompê-los mais adiante.

7 – O objetivo identifica o primeiro passo que devo dar?

Para transformar seu sonho em realidade concreta você tem que tomar aquele primeiro passo vital, porque sem ele não terá disposição suficiente para dar o próximo passo, o próximo….. e depois o seguinte.

A ação é o ingrediente principal do sonho a ser realizado, da ideia a ser concretizada, da meta a ser atingida. A execução nada mais é do que uma série de ações encadeadas, sempre voltadas para a consecução de um objetivo, o que exige envolvimento. Portanto, o primeiro passo no caminho dos seus sonhos é a ação e a caminhada até a sua realização é a execução.

 

Anúncios